AREA PRIVADA

Notícias

Portuguese English French German Italian Russian Spanish
comiteo limpico stp

comiteo limpico stp

URL do Sítio:

São Tomé comemora o Dia Olímpico

Dada a conjuntura actual, o Comité Olímpico de São Tomé e Príncipe realizou festejos diferentes dos habituais para comemorar esta data de capital importância para o desporto.

Este evento  começou a ser comemorado no ano de  1948, numa altura em que o movimento criado pelo Barão de Coubertin atravessava uma fase difícil, já que os Jogos de 1940 e 1944 foram cancelados por causa da Segunda Guerra Mundial. Entretanto, a iniciativa de se comemorar esta data  foi apresentada pelo Doutor Gruss, membro do Comité Olímpico da Checoslováquia, em 1947 e foi colocada em prática no ano seguinte. Esta data coincide com a fundação do Comité Olímpico Internacional (COI), que nasceu em 1894.

Nessa altura, todos os países comemoram a data com grandes torneios e comemorações, de forma a seguir a tradição do Espírito Olímpico que deve permanecer não só no meio dos atletas, como da sociedade.

 

São Tomé, em jeito de comemoração, procedeu a entrega de cerca de 500 cabazes aos desportistas mais necessitados que de alguma forma foram afetados por essa pandemia. Quase todas  as federações nacionais foram contempladas.

 

Já no dia 23, pela manhã, os membros do Comité Olímpico de STP, juntamente com a sua Excelência o Sr Primeiro Ministro e chefe do governo, bem como alguns membros do governo, deslocaram -se ao centro OLYMPAFRICA, onde procederam ao plantio de árvores frutíferas.

 

Na ocasião, o Presidente do Comité Olímpico, João Costa Alegre, frisou a importância da solidariedade Olímpica –“ O desporto sempre foi um factor de unidade a convívio social é nesta perspectiva que devemos apresentar o excelente ambiente que nos oferece a prática desportiva para continuarmos a nossa missão de promover os valores Olímpicos “.

O Primeiro Ministro e chefe do governo, Sr Jorge Bom Jesus, também se pronunciou : “ O desporto nos diz que temos que estar juntos para em conjunto podermos enfrentar os desafios do futuro”.

Vinicio de Pina, Ministro da Juventude e Desporto, aproveitou a ocasião para falar da relação do desporto com a produção agrícola –“O desporto contribuiu para o desenvolvimento, e desta vez através da produção agrícola.”

 

Comité Olímpico de S.Tomé e Príncipe festeja assim o 72• ano da constituição do Comité Olímpico Internacional.

 

 

Adiamento Jogos Olímpicos 2020 Presidente do COSTP aplaude decisão

"O Comité Olímpico de São Tome e Príncipe, como membro desta grande família, sempre esteve solidário com as decisões do COI, liderado pelo seu Presidente, Dr. Tomas Bach, pois sabemos que para o líder do COI, os atletas sempre estarão em primeiro lugar e tudo deve ser feito para a preservação da saúde e integridade física dos mesmos.”

João Costa Alegre explicou, em declarações a televisão nacional, que está solidário com o COI, pois nessa altura são necessárias medidas como estas para a preservação da saúde de todos.

A alteração na data do evento, que deve acontecer até o verão de 2021, não traz constrangimentos para o país, acredita Costa Alegre, ate porque, estão garantidas condições para que os 4 atletas sendo dois de canoagem( já qualificados) e duas de atletismo ( por classificar) , actualmente em Portugal permaneçam com a bolsa até a realização dos jogos olímpicos de Tóquio.

Os líderes olímpicos nacionais a reuniram-se nesta sexta-feira, por vídeo-conferência, com Presidente do COI, Tomas Bach que deu mais explicações acerca da decisão de adiar os jogos.

THOMAS BACH, PRESIDENTE DO COI, ABE SHINZO, PRIMEIRO MINISTRO DO JAPÃO, JUNTAM-SE EM TELE CONFERÊNCIA PARA DISCUTIR O CENÁRIO DO JOGOS OLÍMPICOS DE TÓQUIO 2020 FACE AO COVID-1

Na manhã desta terça feira, 24 de Março, Thomas Bach, Presidente Do Comitê Olímpico Internacional (COI) e Abe Shinzo, Primeiro Ministro Do Japão juntaram-se a Mori Yoshiro, presidente do Comitê Organizador de Tóquio 2020, Hashimoto Seiko, ministro olímpico, Koike Yuriko , governador de Tóquio, John Coates , presidente da Comissão de Coordenação do COI, Christophe De Kepper, Diretor Geral do COI e Christophe Dubi, diretor executivo dos Jogos Olímpicos, numa tele conferência com objectivo de discutir as mudanças constantes provocadas pelo Covid-19.
 
Preocupados com a pandemia mundial (Covid-19) e reflectindo no impacto que tem causado aos preparativos dos atletas para os jogos, Bash e Abe, numa reunião amigável elogiaram o trabalho do Comité Organizador de Tóquio 2020 e pontuaram o progresso feito para aniquilar o COVID-19.
 
A propagação sem precedentes e imprevisível do surto viu a situação no resto do mundo deteriorar-se. Ontem, o director-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse que a pandemia do COVID-19 está "acelerando". Actualmente, existem mais de 375.000 casos registados em todo o mundo e em quase todos os países o número aumenta a cada hora.
 
Face a esta situação, e com base nas informações fornecidas hoje pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o Presidente do COI e o Primeiro-ministro do Japão, concluíram que os Jogos da XXXII Olimpíada de Tóquio, devem ser remarcados para uma data posterior a 2020, o mais tardar no verão de 2021, para proteger a saúde dos atletas envolvidos nos Jogos Olímpicos e na comunidade internacional.
 
O Presidente do COI e o Primeiro-ministro Japonês, concordaram que os Jogos Olímpicos de Tóquio conseguiriam ser um farol de esperança para o mundo durante esses tempos conturbados e que a chama olímpica poderia tornar-se a luz no fim do túnel em que o mundo encontra-se actualmente. Portanto, foi acordado que a chama olímpica permanecerá no Japão e os Jogos manterão o nome de Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio 2020. Fonte: www.olympic.org
Assinar este feed RSS

ENTRAR or CRIAR UMA CONTA